terça-feira, 3 de agosto de 2010

Flor de marrakech

Flor de marrakech

Há um jardim qualquer
em qualquer canto

onde uma flor qualquer
brotou

de qualquer cor

de qualquer forma é flor
e eu a oferto

a quem souber cuidar
ou qualquer coisa

assim

(qualquer coisa)
Por Nydia Bonetti
"No mistério do Sem-fim equilibra-se um planeta. E, no planeta, um jardim, e, no jardim, um canteiro,
No canteiro, uma violeta, e, sobre ela, o dia inteiro, entre o planeta e o Sem-fim, a asa de uma borboleta." Cecília Meireles

Para você Querida Nydia
Que haja flores em todo o seu caminho,
Com amor e carinho,
Sílvia

5 comentários:

Sonia disse...

Olá Silc
estou gostando muito de ler os seus posts.
Adicionei seu blog como um de meus favoritos.
Faça uma visitinha ao meu blog que está no comecinho
http://blogdadonasonia.blogspot.com/

Com carinho
Sonia

nydia bonetti disse...

Ôh, Silvia... Que coisa boa ver meu poema aqui, junto a Cecilia Meireles e flores e beija-flores, entre lilases e outros tons. Que haja sempre muitas flores pelos nossos caminhos. Obrigada pelo carinho. beijos!

Bia Monteiro disse...

Que lindooo...
Me fez lembrar uma música:
"...e vejo flores em vc..."
belo!
=**

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Nydia florindo por cá também... muito bom! ;)

Beijão, Silc! ;) Seja bem-vinda lá em nosso cantinho. ;)

Helena Castelli disse...

Eu careço de emoções... As poesias sempre me emocionam. São escritos raros, feito com amor.

Beijos de boa noite.